Você está aqui: Página Inicial > Defesas > Doutorado - Kando Fukushima
conteúdo

Doutorado - Kando Fukushima

por dirppg-ct publicado 03/04/2019 08h45, última modificação 03/04/2019 08h45
Cartazes nas margens: contestação, arte e produção do espaço
Quando
12/04/2019
de 14h00 até 18h00
(America/Sao_Paulo / UTC-300)
Onde
Sede Central: Sala B-205
Participantes
Profa. Marilda Lopes Pinheiro Queluz. Dra. Orientadora - UTFPR
Banca examinadora:
Profa. Marilda Lopes Pinheiro Queluz. Dra. Presidente - UTFPR
Prof. Gilson Leandro Queluz, Dr. - UTFPR
Profa. Ana Lúcia Santos Verdasca Guimarães, Dra. - UTFPR
Prof. Ivan Alexander Mizanzuk, Dr. - PUC-PR
Profa. Ana Luiza Carvalho da Rocha, Dra. - UFRGS /RS; FEEVALE /RS
Adicionar evento ao calendário
iCal

Resumo: A presente pesquisa possui o objetivo de identificar e refletir sobre as mediações sociais que ocorrem no contexto do ambiente urbano, particularmente através de cartazes que são afixados em espaços não institucionalizados, de forma irregular. Para isso, foram realizadas análises de imagens captadas nas regiões centrais das cidades de Curitiba-PR e São Paulo-SP, através de registros fotográficos e a sistematização de dados relacionados com aspectos de produção desses materiais, sua linguagem textual e visual. Os registros fotográficos foram realizados entre janeiro de 2015 e setembro de 2018 e foram a base para a constituição de uma coleção de 500 imagens representativas da diversidade de temas e abordagens visuais que são utilizados nesses impressos. Os exemplos analisados são aqueles que estão relacionados com temáticas sociais e de expressão poética. Considera-se a produção de diversos grupos sociais, artistas e coletivos, que interagem e constituem paisagem visual dessas cidades. Esses materiais são comumente ignorados pela história do design gráfico ou abordados apenas como manifestações que estabelecem problemas públicos, como os ligados à poluição visual. Ao discutir essa produção de forma mais aprofundada, aponta-se a possibilidade de analisar esses artefatos em um contexto de exclusão econômica, política e cultural, e como prática autônoma e legítima de contestação e apropriação do espaço da cidade. O referencial teórico é norteado principalmente pelas contribuições de Henri Lefebvre, sobre as questões do cotidiano e a cidade, e Andrew Feenberg e a Teoria Crítica da Tecnologia. São discutidos também os conceitos que envolvem os cartazes dentro do campo do design, destacando alguns exemplos da bibliografia que foram produzidos como forma de contestação política. A pesquisa aponta o uso recorrente desses artefatos gráficos, sendo possível encontrar uma grande diversidade de formas de expressar identidades culturais, artísticas e posicionamentos políticos críticos. Representam uma prática que está em constante tensão com as regulamentações e destacam o espaço urbano como uma instância fundamental para a mobilização social e luta política.

Palavras-chave: Cartazes; Produção do espaço; Tecnologia e sociedade

 

Fringe posters: protest, art and production of space

Abstract: The present research aims at identifying and discussing the social mediations that occur in the context of the urban environment, particularly through posters that are distributed in non-institutionalized spaces, in an irregular manner. In this regard, pictures taken from the central areas of Curitiba-PR and São Paulo-SP were analyzed, with the systematization of data related to aspects of production of these materials, their textual and visual language. The photographic records were made between January 2015 and September 2018 and were the basis to organize a collection of 500 images representative of the diversity of themes and visual approaches that are used in these prints. The examples analyzed are those that are related to social themes and poetic expression. It is considered the production of many social groups, artists and collectives, which interact and constitute the visual landscape of these cities. These materials are commonly ignored by the traditional history of graphic design or they are addressed only as manifestations that turn out to be public issues, such as those associated with visual pollution. In examining this production in more depth, it is pointed out the possibility of analyzing these artifacts in a context of economic, political and cultural exclusion, and as an autonomous and legitimate practice of contestation and appropriation of the city's space. The theoretical reference is guided mainly by the contributions of Henri Lefebvre, and his approach of daily life and the city, and Andrew Feenberg and the Critical Theory of Technology. Also discussed are the concepts that involve the posters within the field of design, highlighting some examples from the bibliography that were produced as a form of political contestation. The research points out the recurrent use of these graphic artifacts, and makes possible to recognize a great diversity of forms of expressing cultural and artistic identities and critical political stance. They represent a practice that is in constant tension with the regulations and highlight the urban space as a fundamental instance for social mobilization and political struggle.

Keywords: Posters; Production of space; Technology and society

 

Lista de publicações:

FUKUSHIMA, K.; QUELUZ, M. L. P. . Nas margens das ruas: cartazes como vozes de contestação. Revista Iluminuras, Porto Alegre, v. 19, n. 46, p. 289-313, 2018. (E-ISSN 1984-1191)

FUKUSHIMA, K.; QUELUZ, M. L. P. . Produção do espaço e resistência: uma reflexão sobre cartazes de contestação. Vista - Revista de Cultura Visual, Associação Portuguesa de Ciências da Comunicação, v. 2, n. 3, p. 18-39, 2018. (ISSN 2184-1284)

Anais de Congresso:

FUKUSHIMA, K.; QUELUZ, M. L. P. . A rua e o teto: Cartazes contra a PEC 55. In: VI ENEIMAGEM III EIEIMAGEM, 2017, Londrina. Anais VI ENEIMAGEM III EIEIMAGEM. Londrina: UEL, 2017. v. 10. p. 113-127.

FUKUSHIMA, K.; QUELUZ, M. L. P. . Violência e cotidiano: a produção de cartazes como denúncia e resistência. In: Simpósio Nacional de Ciência, Tecnologia e Sociedade/VII ESOCITE.BR/tecsoc, 2017, Brasília-DF. Anais VII Esocite.br/tecsoc 2017. Brasília, 2017. p. 1-13.

FUKUSHIMA, K.; QUELUZ, M. L. P. CARTAZES NA CONTRAMÃO: CONTESTAÇÃO POLÍTICA NA PAISAGEM URBANA. In: 12º Congresso Brasileiro de Pesquisa e Desenvolvimento em Design, 2016, Belo Horizonte. Blucher Design Proceedings, 2016. p. 3701.

FUKUSHIMA, K.; QUELUZ, M. L. P. . Uma outra comunicação visual no mobiliário urbano de Curitiba. In: ESPCITE 2016 - XI JORNADAS LATINOAMERICANAS DE ESTUDOS SOCIAIS DA CIENCIA E DA TECNOLOGIA, 2016, Curitiba - PR. Anais da XI JORNADAS LATINOAMERICANAS DE ESTUDOS SOCIAIS DA CIENCIA E DA TECNOLOGIA, 2016.

FUKUSHIMA, K.; QUELUZ, M. L. P. . Mediações culturais na paisagem urbana: espaço de expressão, tensão e poder. In: VI Simpósio Nacional de Ciência, Tecnologia e Sociedade, 2015, Rio de Janeiro - RJ. Anais do VI Simpósio Nacional de Ciência, Tecnologia e Sociedade, 2015.