Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Francisco Beltrão > Lato Sensu
conteúdo

Notícias

Lato Sensu

Câmpus Francisco Beltrão lançará novos editais de Especializações
publicado: 09/12/2019 12h02 última modificação: 09/12/2019 12h59

As primeiras turmas dos Cursos de Especialização em Métodos Matemáticos Aplicados e Engenharia de Produção da UTFPR Câmpus Francisco Beltrão encerram o ano de 2019 com perspectiva de abertura de novas turmas para 2020 e 2021. Ambos os cursos foram ofertados em caráter gratuito para profissionais de toda a região, atuantes em diferentes áreas do conhecimento e com o objetivo comum de desenvolver pesquisas de qualidade nas áreas correlatas e afins. A perspectiva é manter a gratuidade para esses dois cursos.

Ainda para o final deste ano (2019), está previsto o lançamento de edital de seleção do mais novo curso lato sensu do Câmpus, a Especialização em Inteligência Computacional. O Curso visa capacitar profissionais que atuam em projetos, desenvolvimento e implantação de aplicações comerciais, educacionais e industriais fazendo uso da inteligência computacional. Para essa especialização, que possui custos específicos e diferenciados, haverá a cobrança de parcelas fixas mensais no valor de R$395,65. - Mais informações: computacao.fb.utfpr.edu.br/comp e pelo telefone(46) 3520-2610.

PREVISÃO DE DATAS:

  • Inteligência Computacional – dezembro/2019 (seleção) abril/2020 (início das aulas).

28 vagas para graduados nas áreas de Informática, Matemática e outras áreas correlatas às tecnologias da informação e comunicação.

  • Métodos Matemáticos Aplicados - Fevereiro/2020 (seleção) agosto/2020 (início das aulas).

44 vagas para graduados em Ciências Exatas e da Terra, Engenharias e áreas afins.

  • Engenharia de Produção: agosto/2020 (seleção), 1 fevereiro/2021 (início das aulas).

44 vagas para graduados nas áreas de Engenharia de Produção, Ciências Sociais e Aplicadas e áreas afins.

De acordo com o professor Maiquiel Schmidt de Oliveira, assessor de pós-graduação e coordenador de um dos cursos, a decisão pela oferta/reoferta das especializações se deve à alta demanda pelos cursos em nossa região. “Com esses cursos, a UTFPR oferece qualificação profissional com impacto direto na comunidade local e regional” - afirmou Maiquiel.

Como exemplo disso, citou o trabalho do aluno André Luís Di Domenico, primeiro trabalho defendido na Especialização em Engenharia de Produção, que abordou um estudo de viabilidade econômica em processos de desidratação de frutas que pode ser aplicado em agroindústrias familiares da região. Segundo as orientadoras do projeto, as professoras Andriele de Prá Carvalho e Camila Nicola Boeri Di Domenico, o estudo contemplou uma temática em grande expansão no mercado e ainda se pautou na utilização da energia solar como fonte renovável e sustentável para a obtenção do produto final.

 

Reportagem: Anaís Andréa Neis de Oliveira