Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Geral > Calendário 2021 é aprovado com a oferta de três períodos letivos
conteúdo

Notícias

Calendário 2021 é aprovado com a oferta de três períodos letivos

Cogep

Matéria foi deliberada pelo Conselho de Graduação da UTFPR
publicado: 01/12/2020 17h02 última modificação: 02/12/2020 13h54
Fachada do Câmpus Medianeira, no Oeste do Paraná (Foto: Decom)

Fachada do Câmpus Medianeira, no Oeste do Paraná (Foto: Decom)

O Conselho de Graduação e Educação Profissional da UTFPR (Cogep) aprovou, em sessão realizada na quinta (26) e sexta (27), o calendário acadêmico 2021 com a oferta de três períodos letivos - 2020.2, 2021.1 e 2021.2. A medida tem por objetivo recuperar o calendário da Universidade, impactado pela suspensão das atividades presenciais por conta da pandemia do novo coronavírus (Covid-19).

Segundo a resolução aprovada, o segundo período letivo de 2020 será realizado de 18 de fevereiro a 25 de maio e, na sequência, virão os períodos 2021.1, de 16 de junho a 4 de setembro, e 2021.2, de 22 de setembro a 22 de dezembro. As aulas serão ministradas como Atividades Pedagógicas Não Presenciais (APNPs), conforme nova nomenclatura adotada pelo Conselho Nacional de Educação (CNE); formato que poderá ser revertido para o presencial caso as autoridades sanitárias e a própria UTFPR assim autorizem.

A orientação é que todas as unidades curriculares e/ou pedagógicas sejam ofertadas no formato não presencial. No caso desta impossibilidade, o docente deverá encaminhar justificativa ao colegiado de curso ou conselho departamental. Os estudantes matriculados nas unidades curriculares que não foram ofertadas no formato Atividades Didáticas Não Presenciais (ADNP) no período de 2020.1 terão prioridade na matrícula do período 2020.2.

Para que os estudantes não sejam prejudicados durante a oferta de atividades não presenciais, o Cogep aprovou a suspensão do cômputo do tempo de trancamento do curso e a possibilidade para a solicitação de cancelamento de disciplinas matriculadas; regra que também abrange os calouros.

Ainda, os estudantes que optarem por não cursar nenhuma unidade curricular em APNP deverão solicitar, por meio de requerimento, a manutenção de vínculo com a instituição. Os períodos para requisição da manutenção de vínculo e cancelamento de disciplina serão divulgados com a publicação do calendário acadêmicos.

Desde 16 de março, as atividades presenciais na UTFPR estão suspensas como medida preventiva de combate à pandemia do novo coronavírus (Covid-19). O formato de atividades didáticas não presenciais começou a ser aplicado em todos os câmpus da UTFPR em agosto e seguiu até este mês de novembro, correspondendo ao período letivo 2020.1.