Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Ponta Grossa > Capacitação 2020
conteúdo

Notícias

Capacitação 2020

Ano letivo inicia com palestras sobre saúde emocional e planejamento pedagógico
publicado: 04/02/2020 11h54 última modificação: 06/02/2020 10h06

Para dar o início ao ano letivo 2020, a Diretoria de Graduação e Educação Profissional - DIRGRAD em parceria com a subcomissão de saúde mental e qualidade de vida da UTFPR Ponta Grossa organizou uma semana de palestras e treinamentos direcionados para os servidores. A primeira atividade aconteceu na manhã da segunda-feira (03), no Centro de Convivência, e o cronograma se estenderá pelos próximos dias.

A abertura dos trabalhos foi realizada pelo professor Lourival Góis, Diretor de Graduação e Educação Profissional, que falou sobre o planejamento de ensino, pesquisa, extensão e capacitação do câmpus. Otimista quanto ao cenário que se apresenta para 2020, Góis relata que “começamos o ano bem e com expectativa de bons resultados, passaremos pelo reconhecimento de quatro cursos e almejamos a nota máxima. Trabalharemos com bastante foco e partimos do tema da saúde mental para beneficiar alunos, o pessoal do administrativo e os professores”. Faltando quase um mês para o início das aulas, o Diretor de Graduação finaliza lembrando da expectativa para receber os novos estudantes no câmpus.

Em um segundo momento, ainda pela manhã deste primeiro dia de treinamento, o foco principal da palestra ofertada para docentes e técnicos administrativos foi a saúde emocional, assunto recorrente na atualidade e principalmente no meio da educação superior. Ministrando essa palestra estiveram as psicólogas Marianita do Rocio Xavier Crenite (Novo Ser Desenvolvimento Humano) e Valéria Rocha Brasil (Instituto Rocha Brasil).

Nesta terça-feira (04), pela manhã, aconteceu a mesa-redonda A geração atual demonstra sinais de crise? Ansiedade, depressão e conflitos - um diálogo com o conceito de modernidade líquida. Essa atividade teve a mediação da psicóloga do câmpus Ponta Grossa, Cintia Azevedo Gonçalves, despertando o interesse dos servidores que convivem com estas temáticas em seu dia-a-dia. Além da mesa-redonda, com a apresentação de falas pelos palestrantes Mauricio Wisniewski e Lourival Góis, houve ainda um debate no segundo momento da manhã.

Como explica Cintia, “há um tempo já são mostrados dados aos professores de quanto a saúde mental da população mundial está comprometida; o Brasil, em especial, é o país com maior número de casos de ansiedade, segundo a OMS”. Muitas pesquisas apontam para a necessidade de atenção nas universidades, onde os casos aumentam drasticamente, devido a alta cobrança que os jovens são expostos. “Estas questões devem ser tratadas em diversos espaços, não só no consultório de psicologia, também pensando em qual educação estamos construindo para estes jovens e que tipo de relação com a tecnologia estamos desenvolvendo”, finaliza a psicóloga e organizadora do evento.

A partir do terceiro dia de capacitação, a atenção se voltará para o interior da instituição, com o NUAPE apresentando especificamente a realidade dos estudantes da UTFPR, dados sobre seu perfil e a atuação do setor com estes. Está em pauta também o tema da acessibilidade e inclusão de pessoas com deficiência - PCDs. Durante esta primeira semana serão ofertadas oficinas variadas aos docentes do câmpus, que poderão optar pelos temas de maior interesse pessoal. A programação de treinamentos e capacitação se estenderá por todo o mês de fevereiro, em momentos pontuais, cedendo espaço para planejamentos setoriais e planejamento pedagógico do ano letivo 2020.