conteúdo

DIRPPG - Apucarana

publicado 03/08/2017 09h32, última modificação 21/09/2021 11h09

A Diretoria de Pesquisa e Pós-Graduação tem como missão coordenar, estimular e supervisionar as atividades de pesquisa e de pós-graduação desenvolvidas no Câmpus Apucarana, de acordo com as políticas definidas pela Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação.

Diretoria

Diretor: Prof. Dr. Thiago Gentil Ramires
Diretora-Adjunta: Profa. Dra. Milena Martins Andrade 

Assessorias

 

 

Equipe Técnica

Secretaria DIRPPG: Jomar Berton Junior

Secretaria Programas de Pós-Graduação Stricto Sensu: Sayuri de Oliveira Oyama

 

Contato

DIRPPG

(43) 3162 -1290 
(43) 3162 -1291
E-mail: dirppg-ap@utfpr.edu.br

Secretaria Pós-Graduação Stricto Sensu

(43) 3162 -1293
E-mail: secretariapos-ap@utfpr.edu.br

_________________________________________________________________________________________________________________________

Seguem alguns links úteis relacionados a pesquisa e pós-graduação

 

Cursos de Pós-Graduação Stricto Sensu

 

Programa de Pós-Graduação em Engenharia Ambiental

O Mestrado Acadêmico do Programa de Pós-Graduação em Engenharia Ambiental visa à formação de profissionais qualificados para o exercício das atividades de ensino, pesquisa e desenvolvimento, bem como aquelas relacionadas à produção de conhecimentos científico e tecnológico sobre problemas ambientais nos  compartimentos água, ar e solo. O Programa oferece quatro Linhas de Pesquisa: (1) Monitoramento Ambiental; (2) Poluição do Ar e Processos Atmosféricos; (3) Saneamento Ambiental e (4) Tecnologias Ambientais.

 

Programa de Pós-Graduação em Engenharia Química 

O Curso de Mestrado em Engenharia Química da UTFPR do Câmpus Apucarana tem como objetivo geral promover o aprimoramento científico de diplomados em cursos de graduação nas áreas da Engenharia Química, Química, Tecnologias, Engenharias e áreas afins, visando à formação de docentes, pesquisadores e profissionais altamente qualificados a realizar pesquisas que contribuam para o desenvolvimento, aperfeiçoamento e avaliação sistemática de processos e produtos que possam ser aplicados diretamente no desenvolvimento da região. O programa possui duas linhas de pesquisa Engenharia de Bioprocessos e Engenharia de Processos de Separação.

Site do Programa 

 

Programa de Pós-Graduação em Ciência e Engenharia de Materiais 

Linhas de pesquisa: Nanomateriais / Fluídos Complexos / Cerâmicas porosas e compostas / Polímeros biodegradável, biopolímeros

 www.facebook.com/ppgcem

 

Cursos de Pós-Graduação Lato Sensu

REGULAMENTO, Legislação, Documentos e Orientações LATO SENSU

PORTAL DA TRANSPARÊNCIA FUNTEF-PR

 

Curso de Pós-Graduação Lato Sensu em Engenharia Digital e Tecnologia BIM - Apucarana

Especialização Lato Sensu em Engenharia Digital e Tecnologia BIM tem como objetivo aprimorar os recursos na área de Engenharia Civil, Arquitetura e áreas afins, de forma a melhorar o desempenho desses profissionais no mercado da construção civil, atendendo os constantes avanços das tecnologias digitais. Pretende-se, também, capacitar profissionais com condições técnicas que lhes permitam contribuir decisivamente nas fases de projeto, planejamento, implantação, utilização e manutenção de obras de engenharia, com o intuito principal de utilizar o processo BIM (Modelagem da Informação da Construção), de forma a obter melhorias na qualidade do ambiente construído e redução no impacto que todas as etapas da construção civil causam ao meio ambiente.

 

Grupos de Pesquisa

 

PROCEDIMENTOS PARA CRIAÇÃO:

1) Devem ser atendidas as diretrizes estabelecidas pela Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação (PROPPG) para a criação de um grupo de pesquisa na UTFPR.

2) Não deve haver grupo de pesquisa de caráter similar já cadastrado na UTFPR Campus Apucarana(vide relação no final desta página).

3) Atendidos os passos 1 e 2, encaminhar por e-mail para a DIRPPG as seguintes informações sobre o grupo que pretende cadastrar:
- Nome do grupo:
- Líder(es):
- Qual dos critérios a seguir respalda o cadastramento do(s) líder(es)? Um critério apenas já é suficiente:
( ) Ser bolsista produtividade do CNPq;
( ) Ser pesquisador vinculado a pelo menos um programa de pós-graduação stricto sensu da UTFPR;
( ) Ser doutor e estar vinculado formalmente a projeto de elaboração de um futuro programa de pós-graduação stricto-sensu;
( ) Ser doutor ou mestre e ter projeto de pesquisa ou de extensão – inclusive PIBIC, PIBITI, Ações Afirmativas, etc. – aprovado nos últimos cinco anos na Instituição;
( ) Ser formalmente indicado por Departamento Acadêmico ou Coordenação de Curso para a constituição de grupo emergente com finalidade específica de pesquisa ligada a esta unidade acadêmica. Anexar o documento ao pedido de cadastramento do grupo.
- Área de conhecimento predominante:
- Número estimado de pesquisadores que participarão deste grupo:
- Número estimado de estudantes que participarão deste grupo:
- Objetivos gerais do grupo:
- Linhas de pesquisa:

4) A DIRPPG solicita à PROPPG o cadastramento junto ao CNPq do(s) líder(es) do grupo de pesquisa. OBS: o(s) líder(es) de grupo de pesquisa precisa(m) necessariamente fazer parte do quadro permanente de servidores da instituição.

5) Após o cadastramento, o primeiro líder preenche as informações do grupo na página http://dgp.cnpq.br/dgp e envia os dados ao CNPq para certificação pela instituição. IMPORTANTE:

  • O preenchimento das informações sobre o grupo deve ser o mais completo possível (informações de estudantes, laboratórios, técnicos, lista de equipamentos, linhas de pesquisas, pesquisadores, egressos, e outras).
  • Para grupos recém-estruturados o campo "Repercussões dos trabalhos do grupo" deve ser preenchido com uma descrição sucinta dos principais objetivos do grupo (repercussões esperadas do grupo). O conteúdo deste campo deve ser alterado pelo líder na medida em que ocorra a maturação das pesquisas, passando a indicar projetos aprovados em editais, eventos organizados e publicações relevantes decorrentes das pesquisas.
  • Utilizar, preferencialmente, endereços e e-mails institucionais.
  • A DIRPPG deve ser informada por e-mail sobre a conclusão desta etapa, anexando o link referente ao espelho das informações do grupo, caso contrário o grupo permanecerá com o status "aguardando certificação pela instituição".

6) A DIRPPG verifica as informações, indica eventuais necessidades de ajuste e, quando todas as pendências estiverem resolvidas a DIRPPG solicita que a PROPPG realize a certificação do grupo pela instituição. 

OBSERVAÇÕES ADICIONAIS:

  • Caso um líder já cadastrado resolva criar um novo grupo de pesquisa ou decida transmitir a outro pesquisador a liderança de um grupo previamente certificado pela instituição, o processo de certificação passa necessariamente pela revisão das informações pela DIRPPG. Portanto, após o envio das informações ao CNPq deve ser encaminhado , solicitando a certificação, tendo na mensagem o link da página que espelha as informações do grupo.
  • Caso, futuramente, o(a) líder resolva alterar o nome do grupo de pesquisa ou mesmo excluir o grupo, a DIRPPG deve ser comunicada para que atualize essa informação na página com os Grupos de Pesquisa. Após enviar os dados do grupo ao CNPq com o nome do grupo alterado, basta encaminhar um e-mail para a DIRPPG informando que ocorreu essa alteração, colocando na mensagem o link da página espelho do grupo.

No caso de dúvidas favor entrar em contato com a Diretoria de Pesquisa e Pós-Graduação.

 

Atualmente são 34 os grupos de pesquisa certificados pela UTFPR Campus Apucarana. Segue a listagem abaixo:

 

Grupos de Pesquisa Área de conhecimento
Biomateriais e Biocatálise- Biopase Química
Catálise Heterogênea e Fotocatálise Química
EcoMof - Desenvolvimento de Processos para Fabricação e Aplicação de Metal Organic Frameworks em Escala Industrial  Química
Ensino de Ciências e Tecnologia Educação
Fibras Têxteis e Beneficiamento de Artigos Têxteis Engenharia Química
GETECA - Grupo de Estudos de Tecnologias Ambientais Engenharia Química
GETEX-Grupo de Ensino, Pesquisa e Extensão em Engenharia Têxtil  Engenharia Química
Grupo de estudos de espaço, sociedade e consumo (GESC) Geografia
Grupo de Estudos e Pesquisas em Geomática Geociências
Grupo de Física Aplicada Física
Grupo de física de fluidos complexos aplicada e suas interações com a indústria e o mercado de tecnologia Física
Grupo de Matemática da Computação (GMaC) Matemática
Grupo de Modelagem Estatística  Probabilidade e Estatística
Grupo de Pesquisa em Análises de Alimento Química
Grupo de Pesquisa em Computação Assistiva Ciência da Computação
Grupo de Pesquisa em Engenharia Elétrica - GPEE Engenharia Elétrica
Grupo de Pesquisa em Física dos Cristais Líquidos - GPFCL Física
Grupo de Pesquisa em Inovação e Organizações Administração
Grupo de pesquisa em materiais ativos - GPEMA Química
Grupo de Pesquisa em Processos Difusivos Anômalos - GPPDA Física
Grupo de Pesquisa em Simulação Computacional de Cristais Líquidos Física
Grupo de Pesquisa em Têxteis Funcionais - GPTF Engenharia Química
Grupo de Química de Materiais e Tecnologias Sustentáveis - GQMATS Química
Grupo Interdisciplinar de Simulações Numéricas em Engenharia - GISNE Engenharia Mecânica
Inteligência Computacional e Ciência de Dados (IC2D) Engenharia Elétrica
Laboratório de Materiais, Macromoléculas e Compósitos - LaMMAC Química
LIDTEQ - Laboratório de Inovação Didática e Tecnológica no Ensino de Química Educação
Poluição Ambiental  Química
Processos de Separação Engenharia Química
Reflexões e projetos em design de moda Desenho Industrial
Sistemas de Computação Engenharia Elétrica
Sustentabilidade, Inovação e Moda Desenho Industrial
Tecnologia BIM Engenharia Civil
Tecnologia e Sustentabilidade na Construção Civil Engenharia Civil