Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Cornélio Procópio > Ex-aluno de Engenharia Elétrica da UTFPR-CP cria startup de robótica educacional em Portugal
conteúdo

Notícias

Ex-aluno de Engenharia Elétrica da UTFPR-CP cria startup de robótica educacional em Portugal

EGRESSOS

Lucas Azevedo Fernandes sediou a empresa no “Brigantia EcoPark”, em Bragança-PT
publicado: 06/10/2021 13h05 última modificação: 06/10/2021 14h53

O Engenheiro Eletricista Lucas Azevedo Fernandes graduou-se pela UTFPR, Campus Cornélio Procópio em 2020, e, de lá pra cá, vem trabalhando na estruturação de uma startup, a BBOTIX, juntamente com mais dois sócios, Alexandre Dalmax Pimenta Costa e Alice Reis Dalmax, e em um projeto inovador na área de robótica educacional. Sediada no Parque Científico e Tecnológico “Brigantia Ecopark”, na cidade de Bragança, em Portugal, a BBOTIX conseguiu um financiamento de 15 mil euros junto ao Centro Europeu de Inovação e Tecnologia para a pesquisa e a implementação de produtos educacionais robóticos para crianças e adolescentes utilizarem nas escolas.

 “A ideia é tornar a robótica mais acessível para as crianças e a escola, ampliar o contato dos ‘mais miúdos’ com a ciência e a tecnologia e criar as condições para que os pequenos habituem-se com as atividades inventivas que a robótica educacional pode lhes proporcionar desde cedo”, argumenta Lucas Azevedo.

Lucas ingressou no curso de Engenharia Elétrica no Campus Cornélio Procópio da UTFPR no primeiro semestre de 2014. Em Julho de 2018 ele embarcou para Portugal, para desenvolver as atividades de Dupla Diplomação que a UTFPR mantém em parceria com o Instituto Politécnico de Bragança-PT. Em Portugal, Lucas também realizou um estágio na cidade do Porto na área de robótica educacional e ao concluir o Programa de Mobilidade Internacional no Instituto Politécnico de Bragança, obteve a dupla diplomação e o título de Mestre em Engenharia Elétrica.

O egresso do Campus Cornélio Procópio conhece bem a importância da robótica e do desenvolvimento científico e tecnológico para a educação. Desde o início de sua formação em Engenharia Elétrica na UTFPR-CP, participou ativamente das atividades do Centro de Experimentação em Robótica “Ninho de Pardais”. Idealizado e coordenado pelo Professor Doutor Marcos Banhetti Vallim, o “Ninho de Pardais” tornou-se uma referência no ensino, na pesquisa e na extensão em nosso campus, promovendo atividades orientadas e práticas na experimentação em robótica em diferentes áreas e níveis de conhecimento. São inúmeras as conquistas dos estudantes e docentes que atuam no “Ninho de Pardais”, tanto no âmbito nacional como internacional, tais como premiações, publicações e inovações.

“O sucesso dos nossos estudantes nos traz muito orgulho e satisfação, além de confirmar a importância do Ninho de Pardais e o desenvolvimento de projetos tecnológicos inovadores na área de robótica. Quando vemos que nossos egressos estão conseguindo contribuir com suas experiências e conhecimentos para melhorar a vida das pessoas, temos certeza de que o que estamos fazendo aqui é extremamente importante para os nossos alunos, mas, sobretudo, para a sociedade em termos mais amplos”, salienta o Professor Marcos Vallim.

Os próximos passos da BBOTIX já estão definidos. Com a conclusão das etapas de desenvolvimento, testes e aplicações, Lucas e seus sócios pretendem lançar o produto no mercado nos próximos meses. “Falta finalizar somente os últimos detalhes do design e da aplicação a partir das experiências dos usuários que aceitaram testar o produto. A princípio, porém, estamos muito felizes, pois, vamos disponibilizar para as crianças e seus professores uma ferramenta simples do ponto de vista de usabilidade, mas, bastante completa do ponto de vista das possibilidades de desenvolvimento das habilidades dos estudantes”, acrescenta Lucas.

A BBOTIX é mais empresa inovadora com projetos inovadores que surgiu da capacidade ímpar dos estudantes da UTFPR-CP e de seus parceiros com o objetivo de desenvolver soluções viáveis para problemas complexos em diferentes dimensões e segmentos. Não há dúvidas de que os docentes, servidores e estudantes da UTFPR-CP estão trabalhando e alcançando os melhores resultados a partir de ações e projetos inovadores vivenciadas diariamente em nossas salas de aulas, laboratórios e centros de pesquisa e experimentação como o “Ninho de Pardais”.