Você está aqui: Página Inicial > Pesquisa e Pós-graduação > Projetos > Londrina > Produção integrada de biodiesel etílico a partir do óleo ácido proveniente de plantas de etanol de milho.
conteúdo

Produção integrada de biodiesel etílico a partir do óleo ácido proveniente de plantas de etanol de milho.

última modificação 06/07/2021 21h54
O óleo de milho é coproduto em plantas que processam milho visando a produção de etanol. Este óleo necessita passar por processos de purificação onerosos pois apresenta valores elevados de acidez, em torno de 15% de ácidos graxos livres. Uma alternativa a tais processos de purificação é a utilização do óleo de milho ácido diretamente para a produção de biodiesel. Os ácidos graxos presentes no óleo de milho podem ser transformados em etil ésteres de biodiesel por um processo prévio de esterificação em uma coluna de destilação reativa. Após este processo, os triglicerídeos presentes no óleo de milho são então convertidos em biodiesel por transesterificação, utilizando como reagente o próprio etanol gerado na planta, em ambos os processos. Desta forma, plantas que geram etanol a partir de milho podem ser adaptadas a produzirem biodiesel de uma forma autônoma, tornando ainda mais atrativo o processo nos aspectos econômico e ambiental.
Biodiesel, etanol, milho, ácidos graxos.
Engenharias
ENGENHARIAS II
Projeto de Pesquisa
Sim
SINOCHEM Petróleo Brasil Ltda.
01/07/2019
30/06/2022
Londrina
Guilherme Duenhas Machado
registrado em: londrina