Você está aqui: Página Inicial > Benefícios > Plano de Saúde
conteúdo

Plano de saúde

por dbortolotti — publicado 23/05/2017 13h38, última modificação 17/06/2021 17h32

Dúvidas Frequentes | Documentos

 

Adesão, Alteração de dados ou Exclusão Parcial ou Cancelamento do Plano de Saúde          |          Quadro de dependentes          |          Legislação

Consulta ao extrato individual de uso           |          Liberação de procedimentos           |          Veja mais

 

O Plano de Saúde da UTFPR, vigente desde 1994 ¹, tem por objetivo garantir aos servidores ativos, aposentados, respectivos dependentes, bem como pensionistas, uma assistência à saúde digna, segura e eficiente, funcionando de forma socializada para atender igualmente a todos os usuários. Sua manutenção e crescimento dependem da contribuição financeira de seus integrantes e do uso racional dos benefícios, sendo a participação de cada um proporcional à remuneração do titular do plano.

O Plano de Saúde contratado pela UTFPR é prestado pela Unimed Curitiba e tem abrangência nacional em apartamento com obstetrícia, é regulamentado pela Agência Nacional de Saúde - ANS. Podem participar do plano todos os servidores da UTFPR, ativos, aposentados e respectivos dependentes, pensionistas vitalícios ou temporários, exceto os que percebem pensão alimentícia.

O desconto é efetuado por titular e seus respectivos dependentes, sendo encaminhado para débito em conta corrente, na qual recebe o salário, que necessariamente deve ser do Banco do Brasil ou da Caixa Econômica Federal, na data do pagamento. Verifique a tabela de valores:

 

Em 06 de dezembro de 2019, o Conselho Universitário aprovou o novo regulamento do Plano de Assistência Médico-hospitalar e Laboratorial da UTFPR, em substituição ao regulamento que estava vigente desde 1994. Foram realizadas alterações pontuais para atualizar o regulamento de forma a proporcionar uma melhor gestão administrativa e financeira deste importante benefício.

A principal alteração aprovada foi a coparticipação nas consultas, que, a partir de 01/01/2020, passa a ser cobrada em todas as consultas realizadas pelos beneficiários. O valor da coparticipação é de 20% do valor da consulta. Anteriormente, a coparticipação era de 25% a partir da quinta consulta realizada nos 12 meses anteriores. O débito do valor da coparticipação é cobrada juntamente com a mensalidade, no mês posterior à realização do faturamento.

A medida busca contribuir com o equilíbrio financeiro do Plano, ao mesmo tempo que estimula o uso racional do benefício, uma vez que o número de consultas se vincula à quantidade de exames e procedimentos médicos associados.

O uso consciente do plano é importante, especialmente por que o benefício é integralmente mantido pela contribuição mensal dos beneficiários. A UTFPR contribui com o custeio do plano diretamente na folha de pagamento dos servidores que possuem plano de saúde contratado, como ressarcimento, na rubrica “Per capita – Saude Suplementar”. O valor do ressarcimento pago pela UTFPR nesta rubrica varia conforme faixa salarial e faixa etária e pode ser consultada na página Ressarcimento de Assistência à Saúde Suplementar.

O titular do plano pode acompanhar o relatório individual de utilização por meio dos Sistemas Corporativos. Basta acessar o sistema, clicar no ícone com a estrela (Sistemas Gerais), no topo da página, e clicar na opção "Plano de Saúde de Servidor" no menu lateral esquerdo. É possível consultar dados do titular e dependentes no convênio dos planos de saúde e odontológico, os lançamentos dos valores pagos, inclusive das coparticipações em consultas, valores dos ressarcimentos recebidos da UTFPR na folha de pagamento do titular do plano, as consultas realizadas, bem como demais procedimentos, materiais e medicamentos faturados para o beneficiário. Todo dia 15 de cada mês, o sistema envia automaticamente extrato com dados de uso e pagamentos relativos ao plano.

 

Adesão, Alteração de dados ou Exclusão Parcial ou Cancelamento do Plano de Saúde

A adesão ao plano de saúde, bem como a atualização de dados cadastrais, inclusão de dependentes, exclusão parcial de dependentes ou cancelamento total da adesão ao plano de saúde da UTFPR-Unimed é feita conforme os procedimentos disponíveis na Base de Conhecimento do Processo no SEI (Sistema Eletrônico de Informações).

Para consultar a base de conhecimento:

  1. Acessar o SEI.
  2. No menu lateral esquerdo, clicar na opção "Meus Processos".
  3. Clicar no botão "Iniciar Requerimento", na parte superior direita da tela.
  4. Na página "Novo Requerimento", localizar o processo "Pessoal: Plano de Saúde (Adesão)" ou "Pessoal: Plano de Saúde (Exclusão)".
  5. Clicar no ícone  para abrir a base de conhecimento do processo.
  6. Seguir as orientações contidas na base. 

 

Autorização de débito em conta bancária (válido tanto para o Plano de Saúde quanto para o Plano Odontológico)

Antes de gerar o processo SEI para requerer a adesão, o servidor deverá autorizar o débito em conta corrente ou poupança para cobrança da mensalidade. A conta informada deverá ser, obrigatoriamente, da Caixa Econômica Federal ou do Banco do Brasil.

Importante: Contas conjuntas com assinatura em conjunto deverão ser autorizados por ambos titulares, como se fosse uma transação bancária. Caso a conta seja conjunta, mas permita a movimentação individualmente, somente uma pessoa precisa autorizar.

Para realizar a autorização de débito em conta da Caixa Econômica Federal ou Banco do Brasil, clique AQUI. 

O comprovante de autorização de débito deverá ser anexado em formato PDF no processo SEI de adesão ao plano. Sem a comprovação, a adesão será indeferida.

 

Alteração de dados cadastrais e conta bancária

As alterações de contas bancárias e correção de dados cadastrais deverão ser solicitadas por e-mail à "COGERH" do seu câmpus de lotação (consulte aqui os dados das COGERH) ou à "SEBEN", para servidores lotados na Reitoria".

Quando se tratar de alteração de conta bancária para débito do valor da mensalidade e coparticipação em consultas, antes de gerar o e-mail de solicitação, o servidor deverá autorizar o débito automático do plano na NOVA conta corrente ou poupança que será informada para a cobrança, seguindo as orientações contidas neste link, apresentando o comprovante da operação no e-mail, bem como cancelar a autorização de débito na conta ANTIGA, também sendo necessário apresentar o comprovante no e-mail. Pedidos de alteração de conta devem ser feitos até o dia 15 do mês, pois pedidos com data posterior serão efetivadas somente no mês seguinte.

Atenção: débito em conta conjunta simples, em que todos os titulares assinam em conjunto, precisa ser autorizado por todos os titulares.

 

Quadro de Dependentes

Para conhecer a documentação necessária para a adesão ao plano de saúde, consulte a tabela de dependentes disponível em Cadastro de  Dependentes.

 

Liberação de Procedimentos

As consultas devem ser realizadas com profissionais na rede cooperada da Unimed e não necessitam de liberação prévia.

Exames laboratoriais de sangue e de Raios-x não necessitam de liberação prévia.

Demais exames e procedimentos precisam de liberação prévia a ser solicitada pelos canais de atendimento da Unimed Curitiba.

 

Canais de atendimento

Para facilitar o acesso às informações e serviços do seu plano de saúde e otimizar os atendimentos, a Unimed Curitiba dispõe de canais online. Em virtude da presença do novo coronavírus no Brasil e seguindo orientações da Organização Mundial da Saúde, recomendamos que não utilizem as unidades presenciais e busquem os canais digitais para solicitações relacionadas a liberações de procedimentos.

Os canais de atendimento da Unimed que permitem solicitar as liberações/ autorizações são:

- Site da Unimed Curitiba no ícone de acesso rápido "solicitação de exames" ou via chat online.

Aplicativo Unimed Cliente PR - dispõe de cartão virtual, permite solicitar a liberação de guias, acompanhar solicitações e consultar a lista de médicos e prestadores credenciados. Baixe o app buscando por “Unimed Cliente PR” na AppStore (IOS) ou Play Store (Android) ou acesse de seu celular o site da Unimed e cadastre-se. Aproveite e veja a cartilha com orientações de como instalar e utilizar.

- Posto de atendimento da Unimed na UTFPR em Curitiba: de segunda a sexta-feira, das 08h30 às 12h00 e das 13h00 às 17h30, através do telefone (41) 3021-9216 ou pelo e-mail utfpr@unimedcuritiba.com.br.

Veja a seguir o tópico Prazos para liberação de exames e procedimentos.

- Telefone  da central de atendimento da Unimed (41) 3019-2000 - funciona 24 horas todos os dias da semana

- Atendimento ao Deficiente Auditivo ou de Fala: 0800-642-5005

 

Prazos para liberação de exames e procedimentos

Os prazos para liberação seguem as diretrizes da Agência Nacional de Saúde (ANS) e estão disponíveis na página da Agência.

 

Canal Exclusivo da Unimed Curitiba sobre o COVID-19:

O canal de atendimento exclusivo para tirar dúvidas e receber orientações é o 0800-642-2002. É essencial entrar em contato por esse telefone antes de procurar um hospital da rede credenciada.

 Acesse aqui a cartilha sobre o COVID-19.

 

Exames do COVID-19

Entre os exames disponíveis no plano estão os de detecção do novo coronavírus, realizados mediante determinação médica e desde que haja disponibilidade de kits de testagem à disposição da Unimed Laboratórios, com coleta domiciliar.

 

Beneficiários Unimed Curitiba têm descontos especiais na vacina contra a gripe

A Unimed Curitiba e a Unimed Laboratório deram início ao processo de vacinação contra a gripe para beneficiários e o público em geral. Este ano, com o agravamento da pandemia da COVID-19 e para evitar a disseminação do vírus, a equipe da Unimed Laboratório fará a aplicação em sistema drive-thru e o pagamento deverá ser feito no local. Para o público em geral, a dose custa 110 reais e para beneficiários Unimed o valor é de 100 reais.

Cadastre-se

Beneficiários Unimed e o público em geral terão que fazer um cadastro prévio no site da Unimed Laboratório com a intenção de compra e aguardar a comunicação por e-mail com as orientações para comparecer ao local de aplicação da vacina. Caso queiram, podem fazer o cadastramento de vacina de mais de uma pessoa para compor um grupo que deverá ir ao local da vacinação junto.

Após cadastrar-se, o beneficiário receberá um e-mail de confirmação do pré-cadastro, com endereço e horário de funcionamento do drive-thru. Não haverá agendamento de dia, nem de horário.

O cadastro é apenas uma sinalização da intenção de aplicação do imunizante e não garante a dose pois a aplicação será realizada apenas enquanto durarem os estoques.

O pagamento deve ser realizado no momento da aplicação da dose, preferencialmente com cartão de débito ou crédito. Esse fluxo pretende agilizar o processo e manter um nível maior de segurança e distanciamento.

O sistema drive-thru proposto pela Unimed Laboratório garante a segurança da equipe e dos pacientes e a estrutura montada está preparada para conservar e manter a temperatura adequada das vacinas.

No momento da vacinação, apresente a carteirinha física do plano ou baixe o aplicativo Unimed Cliente PR e cadastre-se para apresentar o cartão virtual e o QR Code enviado por e-mail (não é necessário imprimir, basta apresentar pelo celular). Apresente também um documento de identificação com foto e compareça ao local de carro com roupa que facilite o acesso ao braço para que não seja necessário descer do veículo.

Importante: Não há possibilidade de reservar a vacina e esta condição especial é válida enquanto durarem os estoques.

Dúvidas:

Beneficiários Unimed e o público em geral podem obter mais informações pelo telefone 3021-5252 e WhatsApp 98801-6607.

 

Sobre a vacina da gripe

A Unimed Laboratório disponibiliza a vacina tetravalente, que protege contra a gripe A/H1N1, A/H3N2 e dois tipos (cepas) B. Vale lembrar que quem se vacinou no ano passado, deve vacinar-se este ano novamente. A imunização apresenta até 90% de eficácia, iniciando a sua ação de duas a quatro semanas após a vacinação. Por isso, é extremamente importante que as pessoas se vacinem antes da chegada do frio mais intenso ou do inverno.

A vacina da gripe não protege contra o coronavírus, mas evita complicações decorrentes da gripe e a possível necessidade de internamento hospitalar, especialmente neste momento crítico em que há sobrecarga dos hospitais e serviços de saúde.

A opção em realizar a vacinação em sistema drive-thru é diminuir o contato físico para reduzir o risco de qualquer contaminação. No local, está sendo montada uma estrutura equipada para conservar e manter a temperatura adequada das vacinas, seguindo todos os procedimentos e normas exigidas pelos órgãos competentes.

Confira abaixo algumas perguntas frequentes:

Quem deve tomar a vacina contra a gripe?

A vacina contra a gripe é indicada para todas as pessoas, exceto para bebês com menos de 6 meses de idade. Mas, atenção: dependendo do fabricante da vacina, um dos tipos da tetra só pode ser dado para crianças maiores de 3 anos de idade. A Trivalente pode ser dada para todos acima de 6 meses. Crianças de até nove anos, que nunca tomaram a vacina, devem tomar duas doses.

Qual é a diferença entre a vacina aplicada pela Unimed Laboratório e a disponibilizada pelo Governo?

A vacina disponibilizada na Unimed Laboratório protege contra quatro tipos de vírus da influenza, enquanto a vacina disponível na rede pública protege contra três tipos.  Além disso, na rede pública a vacina está disponível somente para grupos considerados prioritários.

Quem já teve gripe há dois anos está imune?

Não, pois os vírus que causam a gripe sofrem mutações e podem adquirir características diferentes com o passar do tempo. O H1N1 de um ano pode não ser o mesmo do ano seguinte. E durante o inverno podem surgir outros tipos, como influenza H3N2 e influenza B.

Quanto tempo leva para a vacina da gripe fazer efeito?

Uma média de 2 a 3 semanas. Por isso, é importante tomar a vacina antes de iniciar o inverno.

Quem está com febre pode tomar a vacina da gripe? E quem está tomando antibiótico?

Recomenda-se que as pessoas com febre aguardem a resolução do processo para receber a vacina. Quem está tomando antibiótico deve conversar com o seu médico e seguir as orientações específicas para cada um. Entretanto, como regra geral não há contraindicação.

Quais as contraindicações para a vacina?

As pessoas com alergia comprovada ao ovo devem discutir com seu médico antes de receber a vacina. Quem está com imunodepressão, natural ou medicamentosa, também deve receber orientações específicas do próprio médico, mas como regra deve fazer.

A vacina da gripe pode causar gripe?

Não. A vacina é composta por fragmentos dos vírus ou por vírus mortos e, por isso, não dá gripe.

Quais os principais efeitos colaterais da vacina?

Esta vacina em geral não dá sintomas de desconforto depois. As reações são bastante individuais. Algumas pessoas podem apresentar febre, mal-estar e um pouco de dor no local da aplicação.

Quem já tomou a vacina contra o coronavírus (COVID-19) pode tomar a vacina da gripe?

Sim, pois a vacina da COVID-19 não protege contra a Influenza, da mesma forma que a vacina da gripe não protege contra a COVID-19, pois são vírus diferentes. A vacina da gripe é eficaz contra os vírus H1N1, H3N2 e Influenza B. Pacientes que já tenham tomado a vacina contra a COVID-19 podem tomar a vacina da gripe a qualquer momento, porém alguns especialistas recomendam aguardar 14 dias. Este é um assunto ainda em debate, o paciente deve consultar seu médico em caso de dúvidas. Se houver a necessidade de outra vacina antes de 14 dias (exemplo: cortou o pé e precisa de antitetânica, ou foi mordido por cachorro e precisa da antirrábica), especialistas do CDC (Centers for Disease Control and Prevention) recomendam fazer a vacina, mesmo com menos de 14 dias.

Quem já teve COVID-19 pode vacinar contra a gripe?

Sim. Neste caso a recomendação é aguardar 30 dias do início do quadro de COVID-19 para tomar a vacina da gripe.

A vacina contra o coronavírus (COVID-19) protege contra a gripe?

A vacina da COVID-19 não protege contra a Influenza, da mesma forma que a vacina da gripe não protege contra a COVID-19, pois são vírus diferentes.

Informações, reclamações e sugestões 

O telefone para informações, reclamações e sugestões relativas à Unimed é o 0800-642-2002.

 

Legislação

 

 

Consulta ao extrato individual de uso

Todo dia 15 de cada mês, o sistema envia automaticamente extrato com dados de uso e pagamentos relativos ao plano.

O extrato detalhado de uso do plano, contendo todos os procedimentos, usos e consultas realizadas, bem como os valores de contribuição está disponível aos titulares com acesso nos Sistemas Corporativos, na função Sistemas Gerais. Para acessar, entre nos sistema com login e senha, clique no botão com a estrela (Sistemas Gerais), na lateral esquerda clique em "Plano de Saúde do Servidor" e depois no botão "Pesquisar" para ter acesso aos convênios, lançamentos, pagamentos, subsídios, consultas, faturas e gastos:

consulta plano de saúde

 

Veja também

Veja também: Ressarcimento à Assistência Saúde Complementar, válido tanto para o plano de saúde e odontológico da UTFPR quanto para planos particulares.

 


¹  O Plano de Assistência Médico-hospitalar e Laboratorial da UTFPR é um benefício dos servidores da UTFPR desde 1994, quando foi aprovado pelo Conselho  Diretor, atualmente denominado Conselho Universitário, por meio da Deliberação nº 5, de 18 de fevereiro de 1994. O regulamento do plano foi aprovado pela Portaria nº 202, de 24/02/94, complementado pela de nº 232, de 04/03/94, com alterações pelas Portarias nº 767, de 13/06/96, nº 938, de 24/07/96, nº 1315, de 11/11/96, nº 532 de 02/05/2000, nº 1126, de 10/10/2000, nº 650, de 10/07/2002, nº 1595, de 29/12/2009 e nº 2396, de 22/12/2017 e vigorou até 31/12/2019, quando um novo regulamento foi aprovado. Para consultar a documentação do Plano de Saúde, clique no link Documentos, no topo desta página.